segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

A semana da Matança e o treino Santo Silvestre (antigo SSCover)

Acho que o espírito de férias está finalmente encarnando em mim, pois fiz algo esta semana que nunca havia feito, matei treino, reduzi outros e ainda treinei na esteira por causa da chuva, sem falar que fui numa confraternização do pessoal do trabalho e comi até batata frita. Acho que vou ter que fazer uma longa penitência para poder me redimir destes meus pecados...rs rs rs rs, mas vamos aos treinos.

Na terça-feira, não levantei, minha cama estava muito boa e matei o treino sem peso na consciência.
Na quarta-feira, até que eu queria ficar na cama, mas como já tinha matado o treino de terça-feira, tive que levantar e ir ao treino que era 6 de 7min sendo 5 fraco e 2 a 85%. Quando eu comecei não estava muito a fim de treinar e o corpo demorou para entrar e no ritmo. Eu já estava pensando em matar parte do treino quando vi meu treinador, na hora meu primeiro pensamento foi F.... vou ter que fazer o treino inteiro! Fiquei com vontade de rir, pois nunca faço coisa errada, quando penso aparece alguém e estraga tudo.... Bom, resolvi seguir adiante, mas acabei interrompendo a última série não fiz os 2min a 85%, pois estava com hipoglicemia.

Fazia tempo que a hipoglicemia não aparecia em treino, mas como o volume de treino caiu eu reduzi minha alimentação e acho que devo ter exagerado um pouco.

Na sexta-feira, o dia amanheceu chovendo, um garoa muito chata. Se fosse em outra ocasião não pensaria duas vezes, lá ia eu treinar na chuva, mas não estava a fim de me molhar, então fui para a esteira. O treino era 15 de 2min a 80%, mas acabei fazendo 13 series apenas, primeiro porque tinha reunião e não podia chegar atrasada e segundo porque ao correr na esteira, eu fico com uma passada estranha e meu joelho dói.

No sábado por causa da SS cover no domingo resolvi fazer a musculação, mas como na terça-feira, acabei ficando na cama e matei o treino.

No domingo chegou finalmente a SS cover e uma imensa onda laranja invadiu a Paulista. A cor não podia ser melhor e foi lindo ver centenas de atletas invadindo as ruas de SP. A camiseta é simplesmente maravilhosa, uma das mais belas que já ganhei.

Unhas combinando novamente.... Desta vez não tinha como não chamar a atenção!
O engraçado é que fui para a Paulista de Metrô e digamos que eu era um ser estranho, uma atração a parte, não tinha um que não olhava para aquele ser "fantasiado" para correr. Já havia utilizado o Metrô outras vezes para ir correr, mas normalmente existe outros corredores e você não fica tão estranho, mas desta vez eu fui a estranha no ninho.

Chegando no Masp foi fácil de localizar os outros corredores, afinal era uma camiseta discreta. As meninas deram um show a parte e haviam várias, com tênis, boné, bermunda combinando.

Encontrei vários amigos, ficamos batendo papo, depois houve um sorteio e em seguida fomos correr. A turma foi dividida em duas, a turma da tartaruga e os mais rapidinhos. Para que todos chegassem juntos, a turma da tartaruga largou primeiro e os rapidinhos foram depois. Como boa pangaré, fui com a turma da tartaruga, afinal ainda estou de férias e o objetivo era tão somente a diversão. O Rodrigo, o Frotinha, estava lá também e ele foi meu grande companheiro de corrida.

No início fizemos um grande e compacto grupo laranja e nunca via tanta gente filmando, tirando foto; vários carros passavam buzinando, pessoas nas calçadas aplaudiam e seguíamos em frente felizes da vida.
O mais legal é que todos se ajudavam, quando o sinal abria, pedíamos para os carros para esperarem um pouco a fim do bloco terminar de passar, gritávamos para os que estavam atrás se apressarem e agradecíamos a paciência dos motoristas. Todos sem exceção foram muito solíscitos e de certa forma entraram no clima e tiveram um pouquinho de paciência.

Grande destaque para o Vicent Sobrinho e um outro corredor (pra variar não lembro o nome) que fizeram vários tiros de 1km para ir até o próximo cruzamento e ajudar no trânsito para o bloco passar.

No Minhocão a turma se dispersou um pouco, mas no final dele paramos no ponto de água planejado e nos reunimos novamente. Quando reiniciamos o proposta era que seguíssemos o pace das meninas e assim continuássemos num grande bloco, isto garantiria a segurança de todos. Só que na Marquês de São Vicente o bloco já havia dispersado e com isso acabei seguindo apenas com o Rodrigo.

Ainda bem que ele estava comigo, pois no centro da cidade haviam vários bêbados e alguns faziam gracinhas e a simples presença dele ajudava a diminuir estas gracinhas.

Depois do tour no centro na cidade, chegamos finalmente na Brigadeiro e a partir daí a corrida foi silenciosa. Seguimos até o Viaduto que fica entre as ruas 13 de Maio e Rui Barbosa e paramos para aguardar os outros corredores. A turma da tartaruga e dos rapidinhos finalmente se reuniram e fomos todos juntos invadir a Paulista.

Terminar a Brigadeiro e virar na Paulista não tem emoção maior e juntos gritávamos que a São Silvestre era na Paulista. Mais uma vez as pessoas pararam para nos ver passar e nos aplaudir, o que deixava a festa ainda melhor.

O Rodrigo me falou para darmos um Sprint e assim sentirmos o gostinho da chegada e daí disparamos que nem uns loucos ultrapassando os outros corredores e se espremendo entre os carros. O problema que o ponto de chegada era o Masp e o sprint foi um pouco mais longo que o esperado. Quando finalmente chegamos no MASP parei e olhei para ele, eu estava morta....rs rs rs Depois em casa olhando o relógio vi que corremos este trecho com ritmo de 4:30, nada mal para quem já tinha corrido 15km e enfrentado a Brigadeiro.

No final como prometido a medalha, dado apenas para quem concluiu o treino.

Que medalha linda, não?
E assim encerrei minha última participação oficial no calendário de 2011, suada, faminta, mas feliz da vida.

11 comentários:

  1. Fiquei com muita pena de não poder ir, e agora vendo a camiseta e a medalha então... mas final de ano é esse negócio, um monte de festa que não pode deixar de ir...

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Yeda!
    Mas que ótima idéia essa da SS Cover!!! (quando comecei a ler o texto eu fiquei pensando: "mas que diacho é 'SS'?! Só no meio do texto a ficha caiu! - burro eu!)
    Excelente forma de "protesto" contra as mudanças na S.Silvestre 'original' (acredito que tenha sido esta a principal motivação para a criação da prova).
    Ler seu relato sobre a prova me foi especial também por outro motivo: como não moro em SP, Correr a São Silvestre é impossível para mim (esse ano até tentei achar um vôo em que pudesse voltar a tempo para as festas, mas a logística da coisa é muuuuito difícil), mas sua narrativa me fez quase trotar um pouquinho pelas ruas de Sampa. Obrigado!

    ResponderExcluir
  3. Essa medalha é fofa demais! Pena que não pude ir... fiquei morrendo de vontade! E morri de rir "comi até batata frita" hahahahahaha
    Eu não treinei semana passada mas porque fiquei doente mesmo, snif. Mas já voltei!
    Abraço Yeda!
    Letícia

    ResponderExcluir
  4. Comentarei aqui no seu blog porque no do Colucci - http://toticolucci.blogspot.com - eu não tenho como comentar porque eu não tenho conta Google nem conta OpenID.

    Vocês estão de Parabéns! Parabéns Antonio Colucci! Vocês tem o meu apoio!
    Um movimento com muito humor e acima de tudo pela luta na manutenção da tradicional Corrida de São Silvestre.

    Há de se ter um movimento que assim que voltar ao percurso original, tombá-la como patrimônio cultural.

    Belíssima Camisa!!!
    Entei no site do Movimento IpiRUNga e achei bastante interessante!

    Hélio Shiino
    Rio de Janeiro - RJ

    ResponderExcluir
  5. Yeda,
    Que bom que gostou!
    Essa era a única intenção desde o inicio, se deu certo e todos gostaram fiquei MAIS FELIZ ainda.
    Ficou ótimo o "laranja". A correria foi tanta que se não tivesse a foto eu não teria visto. hehe

    Agora coloque seu chinelo/medalha e dê Férias MERECIDAS aos pés. Que venha 2012!

    Beijos
    Colucci
    @antoniocolucci

    ResponderExcluir
  6. Mestre Yoda, obrigado pela cia. ao longo dos 15km desse domingo. Estava com saudade das nossas conversas e foi um prazer imenso... Faltou dizer que, apesar de ter provocado o sprint, eu acabei levando pau em plena Paulista! Hahaha... Valeu demais! Bjos

    ResponderExcluir
  7. Yeda te desejo um Feliz Natal e que 2012 seja repleto de paz, saúde, felicidades e realizações, que a chama da corrida continue sempre forte, e que vc possa desfrutar de muitas largadas e chegadas...

    Abs

    Fábio
    www.42afrente@blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Eu, amei, sinto muito de não chegar junto com todos, pois fiquei bem longe de todos, pois acompanhei a minha amiga que estava com dor, nós fechamos a corrida!!!! Parabéns a todos.

    ResponderExcluir
  9. Aeh Yeda ... de fato foi sensacional ... a animação foi bacana demais !!!

    Uma prova de que com organização e boa vontade td pode ser feito !!!

    Parabéns pelo ótimo Relato !!!

    http://porqueeucorro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. q legal, naõ sabia dessa são silvestre cover...
    linda a medalha.

    Tenha um ótimo fim de semana!!!

    /(,”)\\
    ./_\\. Beijossssssssss
    _| |_…………….

    ResponderExcluir